quinta-feira, 18 de junho de 2009

A Vinha de Adonai


"Portanto,irmãos,sede pacientes até a vinda do Senhor.Vede o lavrador que aguarda com paciência o precioso fruto da terra,até receber as primeiras e as últimas chuvas! Sede vós também pacientes e fortalecei o vosso coração,pois a vinda do Senhor está próxima".(Ya'cov(Thiago)5:7-8).

O texto descreve D'us como um lavrador que ara a terra preparando-a para receber a semente.A semente é uma estrutura de propagação da planta;é a unidade reprodutiva que dá inicio a uma nova geração da espécie.Esta estrutura contém o embrião e protege-o contra a dessecação,danos mecanicos e ataques de organismos diversos.Esta semente somos nós,os seres humanos que saímos da árvore original Yeshua(João 15 1-2) "Eu sou a videira verdadeira e meu Pai é o lavrador.Todo ramo que,estando em mim ,não dá fruto,ele corta;e todo o que dá fruto ele poda,para que dê mais fruto". Yeshua é a arvore e da sua raiz somos alimentados.A ciência nos ensina que uma vez que a maioria das raizes são subterrâneas e portanto não facilmente visíveis;nossa tendência é ignorá-las e desmerecê-las. A primeira raiz do vegetal vem do embrião,chamada de raiz primária,ou raiz principal.A raiz possui orgãos especializados para sustentação,absorção,armazenamento e condução da seiva bruta.Esta seiva é transportada,da raiz para as folhas pelo xilena(conjunto de vasos encontrados no caule da planta).
Existe um paralelo entre esta vida natural das plantas relacionadas ao mundo espiritual e divino que nos relaciona da mesma maneira num conjunto de normas entre D'us e a sua criação.E quando entendemos isso,vemos a necessidade de estarmos em D'us e que a nossa vida só tem sentido e se torna produtiva,quando andamos,vivemos e bebemos da fonte desta raiz que é Yeshua.
Sabemos que uma boa semente para se reproduzir precisa morrer.Yeshua foi àquela cruz e se entregou por nós,e ali, o sangue que dele jorrou,foi para irrigar a terra e fazer com que as sementes viessem a germinar, e isto é sobrenatural ,assim como o é o nascimento de uma árvore.
Mas,como podemos nos tornar frutíferos?Como podemos viver uma vida abundante e plena? A resposta nós também encontramos no processo da germinação natural de uma planta: "O caule é quem promove esta interligação entre a raiz e as folhas,levando a seiva bruta da raiz para as folhas.Nas folha ocorre a fotossíntese,que é o processo de produção de glicose e oxigênio.Este processo tem como um de seus componentes a luz do sol.A flor é uma folha modificada do vegetal,de crescimento limitado,contendo as estruturas reprodutivas da planta feminina e masculina.Ocorrendo a fecundação,o óvulo origina a semente,e o óvario o fruto.O fruto protege as sementes e prepara o solo,facilitando a germinação .
O mesmo processo acontece entre Yeshua e seus talmidim,dicípulos.Para vivermos uma vida abundante com Cristo ,nós também precisamos morrer.Precisamos ser crucificados com ele na cruz ,e como o Apostolo Paulo disse em 1 corintios 1:18 Diz "que a mensagem da cruz é tolice para os que se predem,mas para nós poder de D"us". Quem peder a vida por amor a Yeshuá a encontrará!.
O pecado sufoca a semente impedindo-a de nascer,mas quando nos submetemso a nossa vida aos planos do Eterno daremos grandes frutos.Precisamos ser como uma palmeira que se inclina,mas não se quebra.Devemos estar no lugar onde D'us nos plantou,para que possamos receber os nutrientes,plantados na casa do Senhor em submissão ao Pai.Submeter é obedecer seus mandamentos que engloba na pratica da vida ,desde o que eu penso,falo,como,bebo e faço.Seus mandamentos são para nos tornar uma semente qualificada,separada e especial,diferente da árvore daninha que nada produz.Quando nos alimentamos da seiva que é a palavra do Eterno somos adubados com o maior fortificante que nos transformará em uma árvore robusta e produtiva.
Receber a seiva é viver uma vida de santidade,pois fomos ordenados por D'us para que sejamos santos.Santidade é o que está dentro de nós,do nosso coração.Santidade é viver aquilo,quando ninguem vê.E para isso temos que ser rápidos em arrepender.Quando isso acontece nos sentimos aliviados e temos paz.
O texto de thiago nos fala que o lavrador(D'us) aguarda com paciência a hora de receber os frutos preciosos da terra(os salvos),ou seja,Yeshua não virá recolher os santos sem que antes aconteça as primeiras chuvas. "As chuvas do outono e da primavera,chamadas na biblia hebraica,respectivamente ,de YOREH e MALKOSH.A referencia é o padrão climático em Israel,onde o volume maior das chuvas ocorre entre novembro e março.Chuvas substânciais em outubro(YOREH) e abril(MALKOSH) são raras,mas são de grande benefício à colheita.Dan Levine um judeu diz: " A Yoreh espiritual ocorreu em Shavuot(Festa dos pentecostes),a Malkosh virá em breve."ou,como Thiago coloca: a vinda do Senhor está próxima!.Portanto é preciso observar os tempos .
A chuva temporã são as profecias que se cumprem fora do tempo determinado,e as chuvas serôdias,são as profecias sem tempo determinado.Portanto é preciso observar os tempos.
Temos vivido um periodo de grande invernia no meio da igreja .Se alguem me disser que está satisfeito com a vida espiritual que tem vivido,será para mim uma grande surpresa,pois não é o que tenho visto .Uma frieza espiritual tem acometido homems e mulheres de D"us,e só tem uma maneira de sairmos dessa geladeira espiritual ,"quando os homens deixarem D'us ser o Senhor da sua vinha." Quando voltarmos a receber da sua seiva,sua palavra pura e verdadeira,porque infelizmente,muitos querem sempre dar uma resposta ,um jeitinho para descumprir o que está escrito,usando uma hermeneutica humana e favorável a si mesmo,porque na verdade o adubo orgânico espiritual de Yeshua é duro de se ouvir e viver.Mudaram a forma de extrair a seiva o que resultou uma igreja fraca e sem autoridade.
Precisamos voltar a beber da fonte de aguas vivas e produzir o fogo de D"us,que nos leva ao quebrantamento,santidade e obediencia,pois há uma primavera que nos aguarda,quando surge uma nova vida,pois a chuva de Pentecoste(shavuot) nos fará florescer ,multiplicar,e fazer nascer a única e verdadeira noiva de Yeshua,seu povo Israel.
Bachuh Hashem

Emily Assunção





Nenhum comentário:

Postar um comentário