quarta-feira, 11 de agosto de 2010

Nimrod, Semiramis e Tamuz

 ..Nimrod, Semiramis e Tamuz

A misteriosa religião de Babilonia foi descrita em livro de Revelação de Yeshua a Yojanán(João) como uma mulher ramera. Através de uma visão, o emissário Yojanán(João) viu a uma mulher vestida de púrpura e escarlata e enfeitada com ouro e pedras preciosas e de pérolas; tinha um cálice de ouro em suas mãos, cheio de abominações e da sujeira de sua fornicações em sua frente tinha um nome escrito: Mistério, Babilonia a Grande, a mãe das rameras e das abominaciones da terra (Revelação 17:1-5).



Qual é o significado desta estranha visão que foi dada a João? Na linguagem simbólica das Escrituras, uma mulher representa um povo, a uma nação. O Israel salvo pelo Sangue do Messías, por exemplo, é semelhante a uma esposa, uma virgem, uma mulher apartada e sem mancha (Ef. 5:27; Rev. 19:7-8). Mas como um acentuado contraste esta mulher, a mulher de nosso texto é descrita como uma mulher suja e corrompida, uma ramera, evidentemente o sistema religioso que se descreve cá, é um sistema falso, uma nação corrompida e queda. A esta a Escritura a chama Mistério, Babilonia >>.



Quando João foi inspirado a escrever a revelação (cerca do 96 E.C.), Babilonia - como cidade - tinha sido destruída e deixada em ruínas. (539 A.E.C.). Desde então continuou estando perdida e desolada, habitada somente por animais selvagens; tal como o anunciaram os profetas (Isaías 13:19-22; Jeremias 51:62). Mas ainda que a cidade de Babilonia foi destruída, temos de ver que a religião de Babilonia continua e está muito bem representada em muitas nações deste mundo. E, como Yojanán (João)falava de uma nação, um sistema religioso, sob o símbolo de uma mulher chamada Babilonia, é evidente que se refere a uma religião babilónica. Mas qual era esta antiga religião babilónica? Como teve seu começo? Que significado tem nestes tempos?



Vamos ao período passado, pouco depois do Diluvio. Naqueles dias o homem começou a emigrar desde o oriente. "Sucedeu que eles viajaram desde oeste, e encontraram uma planície na terra de Shinar e viveram ali." (Ber.Gn 11:2).Foi nesta terra de Shinar que a cidade de Babilonia foi construída, e esta terra se chegou a conhecer mais tarde como Babilonia que estava no território de Mesopotamia .



E assim neste ponto, um homem grande e poderoso, cujo nome era Nimrod, apareceu em cena. Fez-se famoso como um grande caçador de bestas selvagens. A Escritura diz: "E Cush engendrou a Nimrod : este começou a ser poderoso na terra. Foi um vigoroso caçador adiante de Adonai; pelo qual se diz: Bem como Nimrod, vigoroso caçador adiante de Adonai" (Ber.Gn 10:8-9). Estes versos contêm um significado muito importante, o qual é raramente notado: é o fato de que Nimrod foi um "poderoso caçador", o qual lhe fez famoso dentro daquelas gentes primitivas e a expressão "adiante de YHWH" denota oposição a Adonai. Como o declaram as Escrituras, se voltou poderoso na terra, era um líder famoso nos acontecimentos do mundo. "Nimrod era tão poderoso e era tão grande a impressão que causou na mente dos homens, que o oriente está cheio atualmente de tradições de suas extraordinárias proezas."



Tendo obtido grande prestígio entre as gentes, Nimrod estabeleceu um sistema para obter melhor proteção. Em vez de brigar-se constantemente com as bestas selvagens, Por que não organizar à gente em cidades e rodear estas de muralhas para resguardar-se? Então, Por que não organizar estas cidades num reino e escolher um rei para que reine sobre eles? Este foi o pensamento de Nimrod ¡Porque a Escritura nos diz que organizou dito reino! " Seu reino começou com Bavel, Erej, Akkad e Kalneh, na terra de Shinar ." (Ber.Gn 10:10). E assim o reino de Nimrod foi estabelecido como o primeiro reino mencionado na Escritura. Todos estes progressos feitos por Nimrod puderam ter sido bons, mas Nimrod foi um "governante não temeroso de Elohim". A Escritura diz que era "poderoso, firme, filho de Cush , filho de Ham . Foi o primeiro em reclamar ser "o gibor" (o forte, poderoso) na terra. Bavel foi o princípio de seu reino, o qual, ele gradualmente engrandeceu. "A terra de Nimrod " (Mic 5:6) é uma designação de Asiria ou de Shinar , a qual é parte dela. Nimrod foi aquele quem fez à gente se rebelar na contramão de Adonai.



Esta mesma natureza rebelde de Nimrod pode se ver também na expressão de que era um poderoso caçador "adiante de YHWH ". A palavra "diante" neste caso, também denota um significado hostil. Em outras palavras, Nimrod estabeleceu- se "adiante de YHWH", a palavra "diante" como tradução da palavra em hebraico, que significa "contra" YHWH.

Mas não somente estava Nimrod contra o verdadeiro Elohim, senão que também era um sacerdote de idolatria diabólica e de atrocidades da pior classe.



A esposa de Nimrod era Semiramis, quiçá pode-se dizer que a deidade mais fascinadora e blasfema do paganismo é Semíramis, quem a partir de uma posição que em sua origem era humilde, veio a ser a esposa de Nimrod . Muito cedo foi engrandecida a um posto alto, como a esposa de um deus, o que a converteu em deusa, coedificadora de Babilonia. Quando seu esposo Nimrod morreu repentinamente, se viu obrigada a inventar uma série de razões para manter sua posição cheia de poder..







O terceiro livro do Sefer Yashar capítulo 27:7 diz-nos que foi Esav, o filho de Já'kov que matou a Nimrod e lhe cortou a cabeça. E as lendas dizem-nos que seu corpo foi cortado em pedaços e queimado e os pedaços foram enviados a várias áreas. Práticas similares mencionam-se na Escrituras (Shoftim.Juízes19: 29; 1 Shemuel_Samuel 11:7). A morte de Nimrod foi muito lamentada pela gente de Babilonia. Mas ainda quando Nimrod tinha morrido, a religião babilónica, na qual ele teve uma parte tão proeminente, continuou e se desenvolveu ainda mais, sob a liderança de sua esposa.



Após a morte de Nimrod , sua esposa, a rainha Semiramis, proclamou-o como o deus-Solar. Enquanto estava vivo honrou-lhe como herói e deus. Em sua morte, Semíramis queria que se lhe adorasse como "a simiente da mulher" (Zero-ashta a simiente de Ashta ou Astoret), destinado a aplastar a cabeça da serpente, ainda que ao o fazer seu próprio calcañal sairia ferido. O mundo antigo estava familiarizado com a promessa que Elohim lhe tinha dado a Eva no jardim (Ber.Gn 3:15). Em língua caldea zera é semente, simiente. Zeroaster = Zoroastro, é o nome do líder dos adoradores do fogo (seita ou religião etíope de ascendência parsi ou persa). A antiga crença dizia que a maldição sobre a terra só podê-la-ia tirar um grande "libertador ou "emancipador".







O rastro da promessa de Elohim a Eva vê-se em muitas terras e religiões: Na Grécia, Apolo mata à serpente Pitón. Hércules estrangula-a quando ainda era um menino de berço. Horus em Egipto; Krishna em Índia, Balder em Islandia, Thor nos países escandinavos e inclusive no Antigo México falava-se de Téotlo que também destruiu à serpente.Todos estes de uma forma ou em outra deram morte à serpente com a finalidade de libertar aos seres humanos que estavam submetidos sob seu poder. Sempre satán foi imitador e falsificador.







Mais tarde, quando esta mulher adúltera e idolatra deu a luz a um filho ilegítimo, proclamou que seu filho, Tammuz de nome, não era mais que o mesmo Nimrod renacido. Agora, a rainha-mãe de Tammuz , sem dúvida que tinha escutado a profecia da vinda do Messías, que nasceria de uma mulher, pois esta verdade era muito conhecida desde o princípio (ver Ber,.Gn 3:15); Satán tinha enganado primeiro a uma mulher, Eva; mas mais tarde, através de uma mulher, teria de vir o Salvador nosso, Yeshua Hamashiach. O grande falsificador, satán, sabia também do plano Divino. Foi assim que começou a suplantar falsidades a respeito do verdadeiro plano, séculos antes da vinda de Yeshúa.







A rainha Semiramis, como um instrumentonas mãos de satán, dizia que seu filho foi concebido de uma forma sobrenatural e que ele era a semente prometida, o "salvador do mundo". Mas não somente era o pequeno adorado, senão que também a mulher, a mãe, o era também igual (ou mais) que seu filho. Como poderemos ver, Nimrod, Semiramis e Tammuz foram usados por satán para produzir uma falsa religião - que às vezes parece ser como a verdadeira -, e seu sistema corrompido encheu ao mundo.







A maioria da idolatria babilónica era acarretada através de símbolos - por isso era uma religião mistériosa .O bezerro de ouro, por exemplo, era um símbolo de Tammuz , filho do deus-Solar. Como se considerava que Nimrod era o deus-Solar ou Baal, o fogo era considerado como seu representante na terra. Acendiam-se candelabros e fogos ritualistas em sua honra, como vê-lo-emos mais adiante. Também se simbolizava a Nimrod por meio de símbolos solares, peixes, árvores, colunas e animais.







Séculos mas tarde,Shaúl(Paulo),deu uma descrição que detalha perfeitamente o caminho que a gente de Babilonia seguiu: " Porquanto,tendo conhecimento de Adonai,não o glorificaram como D'us,nem lhe renderam graças,mas seus raciocínios se tornaram vazios,e seu coração insensato se obscureceu.Dizendo-se sábios,tornaram-se loucos,e trocaram a glória do D'us incorruptível por imagem de homem corruptível,bem como de pássaros,quadrúpedes e répteis.Por isso D'us os entregou as concupiscencias,segundo os desejos pecaminosos de seus corações,para desonrarem seus corpos entre si.Trocaram a verdade de D"us por mentira,e adoraram e serviram a criatura em lugar do Criador,que é bendito eternamente.Amém.Por causa disso D'us os entregou a paixões vergonhosas,pois até as suas mulheres trocaram seu uso natural por outros que contrariam a natureza.Do mesmo modo,os homens também deixaram as relações naturais com a mulher e se inflamaram de paixões uns pelos outros,cometendo atos indecentes,homens com homens,receberam em si mesmos a punição merecida pelo erro.E,por desprezarem o conhecimento de D"us,ele mesmo os entregou a uma disposição mental reprovável,para praticarem o que não deviam.(Rm 1:21 a 28)







Este sistema de idolatria espalhou-se de Babilonia às nações, pois foi deste lugar de onde foram os homens dispersados sobre a face da terra. (Ber. Gn:11:9). Como saíam de Babilonia, levavam consigo sua idolatria babilónica e seus símbolos misteriosos. Pelo qual, até hoje em dia encontraremos evidências desta religião de Babilonia, quer seja de uma ou de outra forma,em todas as religiões falsas da terra! A verdade, é que Babilonia foi a mãe ,a precursora das falsas religiões e idolatrias que se espalharam por toda a terra. Como o declaram as Escrituras, "porque todas as nações beberam do vinho de seu fornicación" (Jer. 51; Re. 18:13).







Além da prova escrita de que Babilonia foi a mãe, o ninho de religiões pagãs, também temos o depoimento de conhecidos historiadores,por exemplo, Herodoto, o viajante mundial e historiador da antigüidade. Ele presenciou a religião-mistériosa e seus ritos em numerosos países e menciona como Babilonia foi o ninho original do qual todo sistema de idolatria provou..







Bunsen diz que o sistema religioso de Egipto foi derivado da Ásia e "do Império primitivo de Babel". Em seu conhecido trabalho titulado Nínive e suas ruínas, Layard declara que temos o depoimento unido da história profana e apóstata, que a idolatria originou da Babilonia que é o mais antigo dos sistemas religiosos.







Quando Roma se converteu num império mundial é um facto conhecido que ela assimilou dentro de seu sistema a deuses e religiões de todos os países pagãos sobre os quais reinava. Como Babilonia era a origem do paganismo destes países, podemos ver como a nova religião de Roma pagã não era mais que a idolatria babilónica que se desenvolveu de várias formas e sob diferentes nomes nas nações por onde foi.







Tendo tudo em conta, notámos que foi durante o tempo do domínio de Roma que o verdadeiro Salvador, Yeshua Hamashiach, nasceu, viveu entre os homens, morreu e ressuscitou dentre os mortos. Então ascendeu ao céu, enviou ao Ruach HaKodesh(Espirito Santo). E daí gloriosos dias foram esses! Basta somente ler o livro dos Atos dos Apóstolos para ver quanto abençoou Elohim a suas gentes nesses dias. Multidões acrescentavam à Assembleia Israelita Messiánica Nazarena. Grandes sinais e maravilhas faziam como confirmação de Adonai e sua Palavra. A verdadeira Assembleia estava ungida pelo Ruach HaKodesh, e varria à idolatria como o fogo na pradaria. Rodeava as montanhas e cruzava os mares. Fez que tremessem e temessem os tiranos e reis. ¡Dizia-se daqueles Nazarenos que tinham dado voltas ao mundo de acima para abaixo difundindo o Nome de Hashem ! Assim era sua mensagem e seu espirito cheio de poder.







Não tinham passado muitos anos quando começaram a se proclamar alguns homens como "senhores" sobre o povo de YAHWEH , tomando o lugar do Espirito Santo; em vez de conquistar por meios do Espirito Santo e da verdade de Yeshua como o tinham feito nos primeiros dias -, estes começaram a substituir a verdade e implantar suas próprias ideias e métodos. Começaram a fazer tentativas por unir o paganismo com Messianismo , inclusive nos dias quando o Brit Hadashah (Novo testamento)era escrito, porque Shaúl(Paulo) menciona que "… o mistério de iniquidade já está a operar" (2. Tes.2:7). Paulo nos previne de que viria uma "apostasía" e que muitos "apostatariam da fé, escutando a espíritos de engano e a doutrinas de demónios" (1. Tim.4:1). ¡Estas são as doutrinas falsas dos pagãos! Para o tempo em que Yahudáh (Judá)escreveu o livro que leva seu nome, lhe foi necessário admoestar ao povo a que "lutem tenazmente pela fé que foi uma vez dada aos Kadoshim" (Santos), porque alguns homens se tinham metido dissimuladamente e estavam mudarndo a verdade que tinha sido dada pelo Messias ,pelos talmidim(discípulos) por falsidades (Jud. 1:3-4).







O Messianismo Nazareno encontrou-se frente a frente com o paganismo da Babilonia estabelecido em diversas formas no Império Romano. Aqueles Nazarenos recusaram ter algo que ver com esses costumes e crenças. Como resultado disto, sofreram muitas perseguições. Muitos Israelitas Messiánicos foram acusados falsamente, jogados aos leões, queimados em estacas e torturados de muitas outras formas. Mas depois começaram grandes mudanças a suceder. O imperador de Roma confessou ter-se convertido. Deram-se ordens imperiais por toda Roma para que as perseguições cessassem. Deram-se grandes honras aos bispos. A "Igreja" começou a receber aceitação e poder. ¡Mas tinha-se que pagar um alto preço por tudo isto!







Fizeram-se muitas concessões ao paganismo. Em vez de que se separasse a "Igreja" do mundo, esta se fez parte dele. O imperador, mostrando favoritismo, demandou um lugar de preeminencia na "igreja," já que no paganismo os imperadores eram considerados como deuses. Daí em adiante, começaram a surgir misturas de paganismo com Messianismo Nazareno, como o sabem todos os historiadores.







Tão alarmante como pode parecer, o mesmo paganismo que se originou em Babilonia e se tinha já espalhado pelas nações, foi simplesmente misturado com o messianismo - especialmente em Roma -. Esta mistura produziu o que hoje em dia se conhece como a Igreja Católica Romana.







Não é nossa intenção tratar de ridiculizar a ninguém com cujas crenças não estamos de acordo. Ao invés, é nosso desejo sincero que esta informação seja um chamado a toda pessoa que tem uma fé genuina - não importa sua filiação religiosa - para que abandonem as doutrinas babilónicas e seus conceitos, e regressem às Escrituras e à fé que uma vez foi dada aos Kadoshim/separados.












Nota: Todos os versos citados são da Tradução Kadosh Israelita Mesiánica© de Diego Ascunce

15 comentários:

  1. Voce disse "A misteriosa religião de Babilonia foi descrita em livro de Revelação de Yeshua a Yojanán(João) como uma mulher ramera"

    "...tinha um cálice de ouro em suas mãos, cheio de abominações e da sujeira de sua fornicações em sua frente tinha um nome escrito: Mistério, Babilonia a Grande, a mãe das rameras e das abominaciones da terra (Revelação 17:1-5)."

    Chega de palavras hebraicas, ninguém tem necessidade de chamar Cristo de Yeshua que significa ( O bode salva ) Fonte: A verdade sobre as traduções da Biblia, Youtube

    Todas as profecias de Apocalipse já aconteceram ou já deveriam ter acontecido desde o 1º século:

    Apocalipse 22, 10: E disse-me: Não seles as palavras da profecia deste livro; porque próximo está o tempo.

    OS PRIMEIROS CRISTÃOS ACREDITAVAM QUE JÁ VIVIAM OS “ULTIMOS TEMPOS”:

    1 Coríntios 10:11 — Ora, tudo isto lhes sobreveio como figuras, e estão escritas para aviso NOSSO, PARA QUEM JÁ SÃO CHEGADOS OS FINS DOS SÉCULOS.

    Hebreus 9:26 — [...] MAS AGORA NA CONSUMAÇÃO DOS SÉCULOS uma vez se manifestou, para aniquilar o pecado pelo sacrifício de si mesmo.

    Hebreus 10:25 — Não deixando a nossa congregação, como é costume de alguns, antes admoestando-nos uns aos outros; e tanto mais, quanto VEDES QUE SE VAI APROXIMANDO AQUELE DIA.

    Atos 02:15–17 — Estes homens não estão embriagados, como vós pensais, sendo a terceira hora do dia. Mas isto é o que foi dito pelo profeta Joel: E NOS ÚLTIMOS DIAS acontecerá, diz Deus, Que do meu Espírito derramarei sobre toda a carne; E os vossos filhos e as vossas filhas profetizarão, Os vossos jovens terão visões, E os vossos velhos terão sonhos.

    2 Pedro 3:3–4 — [...] NOS ÚLTIMOS DIAS virão escarnecedores com zombaria andando segundo as suas próprias concupiscências, e dizendo: “Onde está a promessa da sua vinda? Porque desde que os pais dormiram, todas as coisas permanecem como desde o princípio da criação.”

    CONTINUA...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Estudar vc precisa!
      O tradutor desse texto também pecou em remover o nome de יהוה e יהושע que com certeza Diego Ascunsion usou, mudando para D"us e Yeshua... A verdade é que Diego sempre usou o nome Kadosh YaHWeH e YaHwshua... Sr. Anânimo Continue seguindo ao cristo romano o seu Baal, Ninrod, Tamuz eles lhe esperam em um lugar aconchegante nas profundesas. Ou você pode fazer Teshuváh como nós Nazarenos e estar com YaHWshua nos shamaym(céus)...
      Att. Sha'UL Lamunier Ben Yahwdah

      Excluir
    2. Parabens aos participantes do fórum pelo trabalho de pesquisa.
      Acho válida a intenção de fazer um estudo imparcial e aprofundado e acima de tudo mantendo a classe.
      Sem ofensas à crença de outrem,apresentando apenas fatos.

      Excluir
    3. concordo!seguir com amor com todos! nao é se achar fodao!!!!!!!!!!!! o negocio aqui é trocar informaçao! amadurecer a fe! buscar a verdade nao dizer eu sei mas que vc!!!! parabens anonimo!

      Excluir
  2. Continuando o comentário anterior...

    Voce disse. " Tão alarmante como pode parecer, o mesmo paganismo que se originou em Babilonia e se tinha já espalhado pelas nações, foi simplesmente misturado com o messianismo - especialmente em Roma -. Esta mistura produziu o que hoje em dia se conhece como a Igreja Católica Romana."

    A maior Igreja cristã é do diabo, então o mundo inteiro é um grande filme de suspense, e o mais imprecionante, é que não há nada no cristianismo que não seja de procedencia pagã, pois foi a Igreja a primeira a notar que Horos, Buda e Mitra tiveram um nascimento virginal

    Voce disse: "O Israel salvo pelo Sangue do Messías, por exemplo, é semelhante a uma esposa, uma virgem, uma mulher apartada e sem mancha (Ef. 5:27; Rev. "

    Como eu disse ( UMA MULHER VIRGEM ), mas aproveitado que voce se considera Judeu, já que usou tantas palavras Hebraicas, dessas que me da nos nervos como Yeshua, Adonai Etc, voce sabe a razão porque os Judeus não aceitam Jesus como messias ? Veja num Site Judeu ( Judeus net )SÃO 20 MOTIVOS, VEJA 5:

    1 - O Mashiach terá um pai biológico humano - Será descendente pelo lado paterno do Rei David.
    Onde nas escrituras: - Isaías 11:1-10; Jeremias 23:5; Ezeqiel 34:23-24; 37:21-28; Jeremias 30:7-10; 33:14-16; e Oseas 3:4-5. A ancestralidade de Jesus (contradizendo as escrituras) não pode ser traçada, visto que segundo a teologia cristã, Jesus não era filho de José, marido de Maria.

    2 - A ancestralidade do Mashiach será somente através do Rei Salomão (Shelomo).Onde nas escrituras: 2º Samuel 7:12-17; Primeiro Crônicas 22:9-10. Mas Jesus, segundo um texto cristão (Lucas 3:31) era descendente de Natan, um outro filho do Rei David, e não do Rei Salomão.

    3 - O Meshiach não terá ancestralidade com Joaquim, Jaconias ou Salatiel. Onde nas escrituras: 1° Crônicas 3:15-17; Jeremias 22:18, 30. Mas de acordo com Mateus 1:11-12 e Lucas 3:27, Jesus era descendente de Salatiel.

    4 - O re-estabelecimento da dinastia de David, que jamais cessará. Onde nas escrituras: Daniel 7:13-14. Mas Jesus não teve filhos, nem estabeleceu reinado algum.

    5 - Uma era de paz eterna entre todos os povos e todas ás nações. Onde nas escrituras: Isaías 2:2-4; Miquéias 4:1-4; Ezequiel 39:9. Obviamente não temos paz, e infelizmente muitas guerras foram proclamadas em nome de Jesus.
    http://www.judeus.org/Artigos/Fique_ligado/quadro/jogo_rapido.htm

    Com esses motivos eu não quero acabar com sua fé, nem a de ninguém, mas chega de teologia do medo e intolerância, Deus não quer nada disso

    ResponderExcluir
  3. Que Deuses, Mitos ou Heróis antigos morreram aos 33 anos?

    Adão ter nascido com a aparência de 33 anos, (a idade perfeita), e a “Ressurreição” cristã de Jesus aos 33 anos; tem tudo haver com as antigas Tríades dos Deus do CÉU, da TERRA e das ÁGUAS; estar ligado ao CICLO SAZONAL onde as plantas “morrem” no INVERNO, mas RENASCEREM 03 meses depois, na PRIMAVERA; se trata de uma versão mais nova de lendas antigas como a do Deus Mitra, do Deus Bel, de Horús, Krishna, Tammuz...
    e aproveita a Maldição onde Heróis como Alexandre o Grande, Julio César, e São Jorge também teriam morrido aos 33 anos de idade.

    Veja o meu PDF “DESMASCARANDO a BÍBLIA”.
    O link para download é http://www.recantodasletras.com.br/e-livros/3062194

    Lisandro Hubris

    ResponderExcluir
  4. a biblia de fato é algo que é muito intrigante por ter sido caçada e muitos textos queimados tendo sua primeira impressão por volta de 1455, sem falar nas falhas de traduções. pode ter certeza "anônimo", eu sou cristão e cada vez mais enchergo motivos pra ter mais fé nesse deus tão inassecível mas tão maravilhoso ao mesmo tempo. muito bom site, paz pra todos.

    ResponderExcluir
  5. Gostaria de manter contato com você por msn se possível. Sou Rogério, agnóstico, mas não ateu. Tenho curiosidade sobre a doutrina que você segue.

    rogeriolayout1@hotmail.com

    ou

    agnusagnostico@yahoo.com.br

    ResponderExcluir
  6. Noossa, muito bom, parabéns, Deus te abençoe (:

    ResponderExcluir
  7. ....Só quero deixar uma palavrinha para o anônimo concernente a inerrância da bíblia. Primeira coisa, anônimo, a bíblia não foi escrita para sábios,que com intuito de provar por a+b que o livro fecha ou não fecha logicamente. Se eu fosse parar pra te mostrar alguma coisa na bíblia, para provar alguma coisa, eu estaria perdendo tempo, pois, cegos espirituais não conseguem ver a luz (Jesus). E não sou eu, um simples mortal, que vai fazer isso. Esse trabalho é do Espírito Santo de Deus, e se ele não o faz é porque não há fé para que ele haja. Os segredos de Deus só são revelados para aqueles que crêem, e infelizmente você ainda não chegou lá. Torço para que um dia você venha crê, caso contrário, é impossível. Há! você disse que todas as religiões foram formadas da religião pagã. Quero te dizer que você está enganadíssimo meu caro. Quando Noé construiu a arca a mando de Deus, o intuito era justamente este, destruir aqueles que queriam estar do lado de satã. Acontece que por causa do livre arbítrio humano, um devasso como Nimrod se opôs novamente a Deus, e criou uma espécie de culto pagão para irritar a Deus. É isso! e só, por enquanto. eliasstevam@hotmail.com

    ResponderExcluir
  8. Que mané "Tradução Kadosh Israelita Mesiánica" !!!

    Todos esses textos (palavra por palavra, com exceção das desnecessárias e toscas referências em aramaico) estão no capítulo 1 contidos no livro

    "Babilonia, Mistério Religioso" - Ralph Woodrow ISBN 0 - 916938 - 00 -X..

    ResponderExcluir
  9. para muitos a Bíblia não passa de um livro escrito por pessoas em outros tempos mas o fato de ter sido escrita por quarenta pessoas em épocas diferentes contendo uma logica tão consistente e no mínimo de se pensar e o fato de profecias descritas terem se concretizado com exatidão e mais intrigante ainda e sem falar q a mesma tecnologia que muitos hoje usam para tentar demonstrar q cenas em textos Bíblicos não existiam ou estavam errados acabam dando mais veracidade a estes pois cada vez mais temos bases teológicas históricas cronológicas e cientificas para provar grande parte do que foi descrito na bíblia

    ResponderExcluir
  10. Quando Deus levanta pessoas para nos
    Passar informações o capiroto levanta pessoas para criticar as criticas que o diabo lança é apenas uma ferramenta para nos aperfeiçoar pois nós somos crentes humildes e não soberbo

    ResponderExcluir
  11. "conheceras a vedade e a verdade vos libertara,toda mentira procede do mal e toda verdade procede do bem.amai vos uns ao outros como eu vos amei,amai ao proximo como a ti mesmo"Siga em frente revelando o espirito santo para que outros possa ver a verdade.

    ResponderExcluir